Resenha: The Kiss Of Deception - Darkside Books

  • terça-feira, dezembro 20, 2016
  • escrito por Yara Guez
  • 2 Comentários



The Kiss Of Deception é o 1º volume de uma trilogia lançada pela editora Darkside Books em 2016. Este livro conta a história de uma princesa chamada Arabella, mais conhecida como Lia, ela é uma garota de 16 anos herdeira do trono de Morrighan. 

Seu pai tenta fazer com que um casamento arranjado aconteça com um príncipe do reino de Dalbreck, reino vizinho à Morrighan. Lia se recusa a se casar com alguém que nunca viu na vida, e minutos antes do casamento ela planeja uma fuga junto com sua prima Pauline para Terravin, outro reino a qual a tia de Pauline mora.



O reino de Morrighan coloca muitos soldados, incluindo os irmãos de Lia à sua procura, com o casamento não acontecendo a notícia se espalha por todos os reinos e chega aos ouvidos do reino de Venda. 

Venda é um reino de bárbaros que querem acabar com a aliança de todos os reinos e eles enviam um assassino para matar Lia. Dalbreck também tem um representante: o príncipe que Lia não quis se casar, ele resolve ir procura-la pois queria conhecer quem teve a audácia de fugir no dia do casamento.



O romance de Mary E Pearson é cativante, ela consegue fazer com que o leitor fique preso ao livro do começo ao fim, e faz com que o leitor possa fazer uma descoberta do amor e também como ele pode nos enganar.



"Mesmo assim, cada vez que minha lâmina deslizava por uma garganta, os olhos alarmados da vítima roubavam minha alma"


"Durante minha vida toda sonhei com alguém me amando pelo que eu era. Por quem eu era. Não por ser a filha de um rei. Não por ser a Primeira Filha. Apenas por mim. E, com certeza, não porque um pedaço de papel ordenava isso."


"Pauline e eu gritamos. Berramos com toda a potência de nossos pulmões, sabendo que o vento, as colinas e a distância impediam nossa liberdade cheia de nervosismo de ser captada por qualquer ouvido."


Você vai gostar de ler também...

2 comentários

  1. Eu amei The Kiss of deception! Quando ler os outros, pretendo reler porque a autora me fez de trouxa achando que uma coisa era uma coisa e no final não era nada disso! Foi uma sacada de gênio!

    ResponderExcluir